Archive for September, 2010

27
Sep
10

COSTINHA

bom dia,

outro dia descobri no blog do allan sieber a respeito de um outro blog que está prestando homenagens ao costinha e que eu espero aceitar contribuições. aceitando ou não, aí está.

minha homenagem foi uma adaptação em 4 páginas toscas de uma piada do primeiro peru da festa. não segui o texto do costinha literalmente por que ia dar um quadrinho ainda mais longo que essas dolorosas 4 págs, e porque eu queria botar alguns elementos que ele usava contando piadas e não estavam sendo usadas especificamente nessa.

mas eu tenho uma relação especial com o costinha desde pequenino (“uma bichinha.. bichinha.. heheh… uma bi-chinha!… hohoho…” ). quando moleque eu ouvi uns discos dele na casa de um primo, aquela figura bizarra do peru com a cabeça do costinha não me sai da mente… e como toda criança incauta e puritana me assustei com a quantidade de esporro que eu tomaria se descobrissem a quantidade de putaria que se alojava em meu crânio naquela sessão fonográfica…  provavelmente foi essa putaria toda que me esculhambou pra vida!
recentemente, como todo pequeno burgues de classe média que se quer dizer inteirado da cultura anglo-saxã,  fui tomado de um vício por stand up e assim voltei a ter contato com sua obra. e também a do bardo ari toledo, que diferente do costinha que sem o chico anísio era até melhor, não conseguia funcionar tão bem sem o apoio do “straight-man” silvio santos…

de todos os “PERU DA FESTA”, o melhor é sem duvida o primeiro. botaram uma merda de uma “claque” (aquelas risadas gravadas de auditório) nos outros que acaba com a graça. não tem mais sentido as ofensas que ele dirige à platéia, nem os improvisos quando voce pode claramente perceber que o publico ali é o mesmo da escolinha do professor raimundo (obs: eu gosto do chico anísio, não estou querendo crescer um ídolo às custas de outro, mas…).

uma coisa importante. dá pra baixar os discos. acho que no emule.

de uma forma ou de outra, as piadas são geniais em todos os discos. e de todas elas, a piada que mais me fez rir e que eu passo mal toda vez que escuto é essa que eu traduzi em quadrinhos muito às pressas, ontem a noite e chapado, por isso peço perdão pelas tosqueiras, mas foda-se. eu tenho mais o que fazer, porra!

obrigado pela visita.

19
Sep
10

ALMA DE FOGO

bom dia,

eu acompanho o movimento do meu blog, é claro. ego e empreendedorismo andam de mãos dadas!

uma coisa que eu notei foi que me acham bastante por estas ilustrações do livro “alma de fogo” pela editora ática, do qual eu botei uma unica imagem em um post antigo… deve ser por que o livro está começando a chegar nos colégios o motivo que está ficando procurado. de uma forma ou de outra, aqui está, um post dedicado a elas.

é um traço um pouco diferente de como o meu está agora. mas eu gostei do clima das ilustrações.

eu não gostei da capa que fiz, por isso não posto, mas o resto das imagens de miolo ficaram bem legais.

obrigado pela visita.

12
Sep
10

PINDURA 2011

bom dia,

estas foram minhas contribuições para o calendário pindura de 2011.

esse calendário é um projeto bacana… tem uma porrada de gente (uns 150 caras…) cada um fazendo 3 ilustrações,
ou seja: uma ilustração por dia do ano.
o tema é elevador.

eu recebo um de graça, voces compram e falam muito bem de mim.

obrigado pela visita.

06
Sep
10

LOST

bom dia,

quando lost começou eu não quis assistir. na época eu só via filmes japoneses de terror e boas comédias. que se fodam essas séries de nerd.

até que eu comecei a assistir. fodeu.
todos conhecem essa história. nem preciso convencer ninguém que tenha bom senso e pouco preconceito.
o enredo era simples, os personagens genialmente construídos (até o final da segunda temporada) e a trama e reviravoltas eram fodidamente surpreendentes (até o final da quinta temporada), surpreendentes mesmo pra quem passava o dia inteiro conversando com mais um ou dois doentes mentais que obcecaram por 6 anos naquela maravilha da televisão americana.

o que eram os primeiros flashbacks? o que foi o primeiro episódio do locke (walkabout)? o hurley com os numeros? os sonhos da claire? ethan e sua cara esquisita pra caralho? o relacionamento dos irmãos shannon e boone? mr ecko? o final da terceira temporada com o flash forward?….

não tinha como estragar!!
não? é isso que essa série nos ensinou sobre a vida. SIM! tudo pode ser estragado…

tudo ia bem até que eles começaram a matar os pretos… mataram preto pra cacete. a coisa não foi discreta. michael, mr. ecko, o negão careca misterioso, a negona que morava com o russo dos outros… a rose só não foi por que era insignificante, e o walt, criança, foi descartado acanhadamente por um relutante locke que naquela altura já estava completamente impotente como personagem (foda-se final especial de internet. o que importa é o que tá na série, eles mesmos diziam isso).

uma obcessão com matar gente! como se isso fosse brilhante…
charlie, shanon (aquela gostosa), locke… LOCKE!!!!! ELES MATARAM O LOCKE!!! 
e me deixem falar um pouco da morte do locke.

o locke não era pra ser um personagem principal… ele era o boba fet da série. o cara esquisito e foda pra caralho que vez ou outra aparece na série… matando javalis pela floresta, o unico que foi poupado pelo monstro de fumaça. que ganhou um milagre da ilha. aquele que conseguiu a redenção e sabe o valor de não ter que buscar mais nenhum objetivo. isso é o que o locke era.
mas não…. eles arrancaram todos os sonhos do cara e de todas as pessoas que seguiam aquele personagem, que se identificavam com a sensibilidade do que ele representava.
a sensibilidade que dizia que neste mundo voce pode ser um fodido, mas em um lugar melhor, em outra situação, em um lugar onde as coisas dependessem de voce e do que voce tem no seu coração, a coisa poderia ser diferente.
mataram o locke como se um aleijado que vê naquele careca um ídolo não devesse sonhar com coisas impossíveis… como se não pudesse haver uma saída praquele cara que esteve indiretamente relacionado a todas as resoluções de problemas de cada personagem na primeira temporada.
como se a unica coisa que desse sentido pra um aleijado (em qualquer sentido) fosse realmente apertar um botão.
como se pretos e aleijados tivessem que aceitar uma condição de impotencia mais forte que eles.

e fizeram tudo isso pelo jack. para o jack ser o escolhido, dobrando o universo de ficção que eles próprios criaram, contra todo sentido que isso pudesse fazer!!!!!! FODA-SE O JACK, CARALHO!!!!

JACK, AMERICANO MIMADO DE MERDA!!!!!

eu estou economizando texto. juro. poderia falar vinte anos dos absurdos que aquele final representou pra mim. e os autores prometeram que aquele não seria o final, porra!!!!

eu perdi 1 ano da minha vida. por que os 5 anteriores valeram.

tudo parecia que seria justificado, tudo parecia altamente perdoável, por que havia um suposto fim maior nas mãos de escritores geniais que surpreenderam em todas as temporadas desde a segunda que começaram uma merda e terminaram lindamente… eu acreditei. e eles escorregaram justo na hora do gol.

…pra mim, assim como não existe alien 4, lost termina com juliet batendo com uma pedra na bomba atômica. isso sim é um finale.

É POR ISSO QUE AQUI VAI UM RESUMO DE FINAL QUE EU MESMO BOLEI PRA SÉRIE.
antes de tudo, dê play no link do youtube. serve só de trilha sonora, não tem video.

IMPLANTEM ISSO NAS SUAS MENTES, NUNCA MAIS ASSISTAM A SEXTA TEMPORADA DA SÉRIE E SERÃO FELIZES COMO EU.

. a ilha é o paraíso do genesis. os jardins do édem. o monstro de fumaça é a serpente.

. jacob e o outro são ou caim e abel, ou guardiões tão antigos que se esqueceram de onde vieram.

. a ilha está fora do tempo, assim como se move no espaço. os numeros são uma data, em matemática pura. são a data do acidente que os leva pra ilha e por isso geram acidentes quando usados.

. na ilha não se morre naturalmente, mas também não nasce ninguém. aaron era especial por isso.

. as pessoas que habitam a ilha vem de momentos aleatórios da história do mundo e se tornam seus habitantes. assim como eles estão ali, egipcios, fenicios e o escambau também estão.

. realmente, depois da explosão da bomba atomica, passam a existir duas realidades, uma na ilha outra como se o avião nunca tivesse caído. ok.

TENDO ISSO COMO BASE, VAMOS LÁ:

. o monstro de fumaça consegue fugir da ilha, depois que jacob morre.

. no mundo real os personagens se encontram com eles mesmos. de um lado estão eles selvagens, do outro eles civilizados. eles podem comparar suas vidas e suas escolhas e rola uma edição com os momentos mais importantes e emocionantes dos flashbacks de cada um. rolam lágrimas e a musiquinha do locke (que nunca mais tocou).

. o monstro de fumaça toca o terror pelo mundo. ele é uma força de julgamento divino. ele quer corrigir o mundo pela força e pela destruição. ESTILO GODZILLA! ele saí causando o caos pelo mundo.

. jacob acha um caminho para o mundo real, WALT.
walt se torna o novo jacob e com a ajuda de desmond, que é o unico que se mantem uma coisa só nas duas realidades por ser imune ao eletromagnetismo da ilha, chega ao mundo civilizado.

. PORRADARIA ENTRE JACOB E O MONSTRO DE FUMAÇA. jacob é representado por uma bola branca de energia eletromagnética (obs: jacob estava preso na estação onde locke ficou apertando o botão, a luz branca que foi liberada ali era ele, jacob. os outros adoravam a fumaça preta, achando que era jacob. como o bezerro de ouro, na biblia)

. jacob vence e dá  cada personagem o direito de escolher a vida que quer seguir, na ilha, tendo acontecido o acidente ou no mundo real, com a vida que o próprio personagem havia escolhido pra si, antes de tudo isso acontecer.

. o universo está  novamente em ordem (“the universe has a way of course-correcting”).

fim. “t t t t t… bad robot!”

obrigado pela visita.





Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: