21
Nov
14

AS COISAS QUE CRESCEM

arvore_2014

bom dia,

eu sinto um profundo amor pelas coisas que crescem. as pessoas com filhos costumam dizer “voce vai sentir falta dessa fase!” em todas as fases da vida da minha filha. eu sempre discordei. não acho que vou sentir falta de nenhuma fase. eu quero todas elas. quero ver minha filha com 80 anos. com 30. com 23.

acho que é essa a raiz da minha obsessão com árvores. acho que elas representam a inevitabilidade de crescer e a beleza do tempo. mesmo quando está enrolada em fios. voce pode enxergar a árvore que cada broto vai ser ainda que erre totalmente qualquer tipo de previsão. coisa muito bonita.

obrigado pela visita

11
Nov
14

MAIS UMA QUE EU VI

FOM_FOM

bom dia e obrigado pela visita.

31
Oct
14

O QUE EU TENHO FEITO

terceira_idade_estudos

Bom dia,

A página acima é o que venho fazendo. meu novo quadrinho. Já falei dele outras vezes, mas está dando muito trabalho. Muito mais do que o Yuri deu. E estou longe do fim, com muito mais gente prestando atenção em mim (este blog parado me dá mais visitas do que dava quando começou e estava em plena atividade…)

É engraçado… eu não me sinto mais o mesmo escrevendo aqui. É como se eu e este blog tivéssemos nos divorciado. Depois que lancei o Yuri, comecei a sentir uma pressão por apresentar resultados que não era o que eu queria com o blog. Tenho 35 anos agora, tinha 27 quando isso aqui começou. E não tinha uma filha. Me sinto muito menos cronista. Muito menos poeta. O processo era mais fluido. Eu não usava maiúsculas…  Mas não parei nada. Pelo contrário. continuo fazendo exatamente as mesmas coisas..  Só não tenho tido vontade de mostrar. Tenho mais vontade de passear com a minha filha e de educá-la. Mas sempre senti falta do blog. Então, vamos tentar voltar. Vamos tentar.

Obrigado pela visita.

27
Mar
14

as aulas do mestre andré ——————————————– AVENTURAS NO MUNDO HIPERREALISTA

LATA_fotoLATA_cor01LATA_cor02LATA_cor03LATA_cor04

bom dia,

mais uma etapa das aulas de pintura do Mestre André Leão.

depois de 2 horas pra ver o ron mueck e sair com a sensação que mais valeu pra minha filha os dinossauros do barrashopping… resolvi postar minhas aventuras pelo hiperrealismo, guiadas pelo sr. andré leão.

o exercício consiste em, usando a foto como referencia, aplicar o maior numero de cores possível (sem usar o “eyedropper”!) e fazer uma representação pessoal da foto com manchas e tentar sugerir o desfoque.

eu. peão. tomei bronca por ter tentado reproduzir todas as letrinhas da lata… mas a pintura me deu uma sensação fodida de “yeah baby!!!!”
(óbvio que tiveram muitas tentativas fracassadas antes dessa. mas eu não vou mostrar.)

estou me esforçando! mas precisei interromper as aulas por um tempo… ganhar dinheiro não é mole.

obrigado pela visita.

18
Mar
14

TUBARÃO BRANCO

This slideshow requires JavaScript.

 

bom dia,

historia que acabei de desenhar. bem idiota.
ainda to pensando em jogar uns cinza aí…

estou aceitando críticas!

TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_01TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_02TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_03TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_04TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_05TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_06TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_07TUBARAO_BRANCO_linha_pg_dupla_clara_08

obrigado pela visita

10
Mar
14

um panorama geral das coisas

panorama_01

bom dia,

o rio de janeiro nessa temporada que antecede a copa está agressivo.

as manifestações populares perderam força com a morte de um cinegrafista por rojão. traição do azar, velho aliado, desanimou a força da esperança de mudar. caminho aberto pra empreitadas criminosas. só o que restou foi o transito. absurdo. e deseperança. talvez a vitória da unidos da tijuca reacenda uma indignação…

nessa atmosfera vi um bando de crianças na central derramarem uma chuva de socos em um estudante, que se defendeu heróicamente ao fugir, pernas pro alto, em uma van. atravessarem a rua com os dentes na mão pra atacar um velho forte, negro, local.. o velho puxa a navalha do bolso e se defende como pode, foge.. mas dessa vez não teve van. não sei que fim que teve o velho.
não era ataque pra roubar. não era ataque em rico. era ataque de raiva explodindo. querendo arrancar pedaço, e justificar a raiva que sentiam dizendo roubar o que ninguém ali tinha. raro meu instinto de sobrevivencia funcionar, mas eu fiquei com o cu na mão. envergonhado agora de não ajudar ninguém. mas inteiro.
e uma velha de repente grita “um dos moleques morreu!” pelas mãos de alguém… não se sabe quem.

e aí a policia se mexe. se levanta gorda do carro parado ao lado disso tudo e dispersa todo mundo a cacetete.

vi gente se tratando mal no ônibus. antigo templo de piadas e facebook no celular.

o motorista  manda gente se foder, os trocadores e passageiros se confrontam, vão a merda de mãos dadas, por motivo nenhum, cotidianamente.

tive que pedir a um passageiro de ônibus mais lotado que cela de prisão (o velho 368…) que se comportasse e que saísse da porta do carro. eu, civil, constituído para a função pelo motorista, jurista civil. igual a mim. filho da puta… pelo menos dessa vez teve piada… a minha custa! mas teve piada.

andei de metrô. enlatado no metrô igual a tokio. não, tokio não… que não tem ninguém ali a caminho de salário que valha a pena. enlatado no metrô igual a sardinha. que carne de peixe também é açougue.

prefeitura e governo rindo a toa, escancarados pros contratos que venderam a cidade a despeito da cidade enquanto os poucos a se levantar e debater as questões, são perseguido por dar voz ao que pensamos publicamente. quase clandestinamente defendidos por uns poucos.

as capas de revista de jornalistas que quando não se lembram da memória fantasticamente nostalgica dos anos 60 estão atuando no seu reacionarismo contemporãneo, chamarem os jovens que  se movem “no meu tempo a gente fazia alguma coisa!”  de apelidos criminosos (bullying!) sininhos e tal. manipulados como instrumento de opressão política e tortura sofisticada. sutil corrupção filha da puta.

poucos conseguiram alguma coisa positiva nessa atmosfera e eu quero ver o que o boris casoy tem a dizer sobre os garis agora.

obrigado pela visita

19
Nov
13

O TUBARÃO BRANCO, O URSO MARROM E UM PEIXE DE 300 REAL

tubarao_braco_01

bom dia,

mais uma no forno. apesar de tudo, continuo tendo forças pra fazer esse nobre (e é nobre.) ofício.
não vou parar. para quem gosta de mim, de uma coisa fique certo. isso aqui é pra sempre.

eu voces e bigueridinis. no pior dos casos estaremos sempre aí. pra encostar uns nos ombros cansados dos outros.

obrigado pela visita.





Follow

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: